Missão, Mística e Profecia na Amazônia


“Missão, partida de amor por amor, ir ao encontro do irmão com alegrias e dores. Entrega do coração e disso o melhor. Missão, missão a nossa paixão maior”.


Nos dias 5 a 16 de julho, realizamos uma missão no distrito de Maracajá, diocese de Cametá, Pará. O evento foi organizado pela equipe da CRB Nacional com as Novas Gerações e Pe. João Paulo, pároco da Paróquia São José, Maracajá. Vindos de diferentes partes do Brasil, formamos um grupo de 65 missionários, entre religiosas e religiosos (20 congregações), formandas, seminaristas, padre e alguns leigos comprometidos.


Como Serva do Espírito Santo, este foi um momento único viver a multiplicidade de culturas como Vida Religiosa Consagrada junto a população local, distinta em sua diversidade, formada por paraenses, maranhenses, baianos, goianos e mineiros. Ao viver a inculturalidade, traço marcante da nossa congregação, senti a diversidade como riqueza e dom, pois unimos diferenças culturais, carismas e espiritualidades, para interagir em caminhada sinodal.


O objetivo da missão foi inserir os jovens da Vida Consagrada na missão da Igreja e conhecer a realidade do povo da região transamazônica. Visitamos famílias, doentes e necessitados, como presença reveladora do amor de Deus neste solo sagrado carregado de mística e profecia, a Amazônia.


Para iniciar nossa missão, tivemos nossa preparação, com momentos de integração, de oração, celebrando a memória e fazer memória dos mártires da região e de hoje, que fizeram e fazem da religião um ato de fé, amor e libertação, causa de vida e morte! Conhecemos o local de missão da Irmã Dorothy Stang, visitando, também, sua sepultura e ficamos impregnados pelo ar de profecia da vida religiosa consagrada e impressionados pelo testemunho da comunidade local pela Irmã Dorothy, que esteve em constante luta e defesa por vida mais digna dos mais empobrecidos e cuidado da natureza: “A morte da floresta é o fim da nossa vida!”.


Para iniciar nossa missão, participamos da Santa Missa, momento em que fomos ungidos pelo óleo, recebemos a cruz missionária, fomos enviados/as e partimos para as visitas em 4 diferentes comunidades/paróquias: Maracajá, Gelado, Novo Repartimento e Pacajá. Visitar casa por casa, sentir e comungar da experiência de Deus, em cada pessoa e família, foi gravando em nossos corações a marca do eterno.

Missão é sempre partir! Não só geograficamente, mas, principalmente, de si mesmo e ir ao encontro do irmão, do próximo, do pobre, do necessitado. Após a realização das visitas, de porta em porta, percorrendo distâncias, em motos, carros, camionetas ou a pé, por pontes e ladeiras, chegando a todas as família, retornamos para Maracajá para a Missa de encerramento, com a comunidade local.


Celebramos e agradecemos a Deus por tantas experiências enriquecedoras vividas, tantos rostos nos quais contemplamos a face de Deus, não só no sorriso e testemunho de vida das pessoas impelidas do Espírito Santo que conhecemos, engajados na igreja, em diferentes pastorais e movimentos, mas, sobretudo e principalmente, na realidade dos nossos irmãos desfavorecidos; nos doentes, nos que sofrem, nos que trabalham duro para ganhar o pão de cada dia, nos pobres, nos mais pequenos, ignorados, explorados, marginalizados, oprimidos, abusados, inocentes e necessitados. Nossos corações, tocados por eles, ajudou-nos a tirar as sandálias e adentrar nos corações destes nossos irmãos/ãs queridos. Feita a avaliação final, os nossos sentimentos eram de alegria e profunda gratidão. Sem dúvida, este foi um grande impulso no ardor missionário para nossas vidas, como jovens religiosos consagrados.


Gratidão e apreço a toda equipe de coordenação da missão e CRB Nacional por esta enriquecedora experiência junto aos nossos irmãos e irmãs da região Amazônica. Sem deixar de dizer um Deus lhe pague para a Direção Provincial, que apoiou essa tão rica experiência missionária, em terras amazônicas. Que Deus abençoe a todas e todos.




Ir. Patrícia Zeponi, Missionária Serva do Espírito Santo






Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags