Chamado à Vida Religiosa e ser Serva do Espírito Santo


Jesus “chamou os que Ele quis” (Mc )


Desejo ser religiosa e consagrar minha vida ao serviço na Igreja. Sinto que Jesus me chama para ser Missionária Serva do Espírito Santo. Quais são os passos e como acontece o processo inicial para ser Missionária Serva do Espírito Santo?


“Jesus subiu a um monte, chamou os que ele quis, e eles foram para perto dele. Então escolheu doze homens para ficarem com Ele e serem enviados para anunciar o evangelho. A esses doze Ele chamou de apóstolos. Eles receberam autoridade para curar enfermidades e expulsar demônios”. (Mc 3, 13-15). Eles deixaram tudo e O seguiram.


Jesus chamou aqueles a quem Ele quis para subir o monte e ficar com Ele, vivenciando intimidade com Ele e dar a conhecer sua missão e depois vive-la, anunciando a Boa Notícia do Reino. Os Apóstolos não foram enviados imediatamente para a missão, mas depois de um bom tempo de convivência e de formação. E mesmo depois de enviados, Jesus os chamava para novas instruções, para o descanso, confraternização e oração juntos. Jesus sabia que na Sua Missão, Ele iria enfrentar dificuldades com os Seus escolhidos, conhecia sua fragilidade, porém, não desistiu e foi com eles, até o fim.


Quando Deus chama, ele nos capacita para que possamos cumprir a missão a nós confiada, nos concede os meios e os recursos necessários. Precisamos descobrir com Jesus, na sua Palavra e em oração, o que Deus quer fazer em nossa vida.


Como Missionárias Servas do Espírito Santo, somos chamadas a servir na missão da Igreja, sobretudo, em situações onde a vida é fragilizada e ameaçada, dentro ou fora do país. Realizamos nossa missão em comunidades, no Brasil ou em outros países, onde procuramos vivenciar o diálogo, a comunhão e o acolhimento. Nossa vocação missionária depende do compromisso com o seguimento de Jesus Cristo buscando, como mulheres consagradas, testemunhar e tornar “conhecido e amado o Amor de Deus Uno e Trino por todas as Pessoas”. Dedicamos nossa vida a Deus através da oração e das mais variadas atividades e apostolados, de acordo com as necessidades mais urgentes do povo ao qual somos enviadas.


Quais são os passos, para a jovem que deseja ser Missionária Serva do Espírito Santo?

Primeiramente, a jovem que sente inquietude vocacional, com interesse e desejo de seguir Jesus, e, um profundo anseio de ajudar ao próximo, procura, através de redes sociais ou contato com uma Irmã SSpS, para conversar. Manifesta-lhe seu desejo de conhecer algo mais sobre Vida Religiosa, a Congregação. A partir de então, será encaminhada e acompanhada pela Irmã responsável do serviço de Animação Vocacional. E iniciará seu processo de discernimento através de contatos virtual ou presencial, visitas à família, retiros de convivência com outras jovens nas nossas comunidades.

Como é o processo de formação na Congregação?


1º - Ingresso na Comunidade Vocacional. Tempo de experiência para maior clareza de sua vocação e descobrir, em si, os sinais do caminho de seguimento nos passos de Jesus. Nessa primeira experiência, a jovem vai conhecer o carisma, vida e missão das Irmãs MSSpS e fazer seu processo de crescimento pessoal, comunitário, grupal. A jovem aspirante é acompanhada em seu desenvolvimento humano, autoconhecimento, vida cristã e no chamado pessoal de Deus. E ainda, é acompanhada, de forma pessoal, pela Irmã Formadora, em sua opção de vida, vivência dos valores humanos, cristãos, vivência comunitária e missão. Nesta etapa de formação, a jovem permanecerá um ano, se tiver concluído o Ensino Médio, ou o tempo necessário para terminar esse grau de escolaridade.


Pré-Noviciado: a jovem, após seu discernimento e maior clareza do chamado de Jesus, continua seu processo de discernimento, no qual vai aprofundando os temas relacionados ao Carisma e Espiritualidade da Congregação, sua de formação humana e espiritual, e, experiência de vida comunitária.


Noviciado: dois anos de intensa preparação para professar os Votos de Castidade, Pobreza e Obediência. Um tempo para conhecer a Jesus Cristo e uma profunda intimidade e amizade com Ele. Começa, então, seguimento incondicional a Cristo, como Missionária Serva do Espírito. Período em que são colocados os alicerces para toda sua vida, como religiosa consagrada. Terminado o período de dois anos a dois anos e meio, a jovem se encontrará apta a professar seus votos, na Congregação e a viver como Religiosa Consagrada Serva do Espírito Santo, com todas as suas alegrias e desafios.


Ir Maria Cristina Krupek

Formada em Teologia

Pós graduação em Missiologia

Terapeuta Holística em Constelação Sistêmico Familiar

Formadora na comunidade do Noviciado PANAM em San Lorenzo - Paraguai




Irmã Ashrita Soreng

Indiana missionária SSpS no Brasil


Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags